Ganime vai a Petrópolis visitar pontos críticos

Relatório de Ganime desburocratiza acesso ao porte de arma
12/05/2022
Nem Freixo. Nem Castro.
26/05/2022

Na última segunda-feira (23/05), o deputado federal e pré-candidato ao governo do Estado do Rio de Janeiro pelo partido NOVO, Paulo Ganime, esteve em Petrópolis, na Região Serrana, para visitar os pontos críticos que assolam a Cidade Imperial. Na ocasião, ele se encontrou com Rafaela Facchetti, presidente do Comitê Piabanha, e com o engenheiro sanitarista e cívil Mário Bandarra. 

O Comitê Piabanha tem como objetivo promover a gestão descentralizada e participativa dos recursos hídricos da Região Hidrográfica IV do Estado do Rio de Janeiro, que compreende a região constituída pela totalidade das bacias hidrográficas dos cursos d’água afluentes do Rio Piabanha que drenam os municípios de Petrópolis, Teresópolis, Areal, Três Rios, São José do Vale do Rio Preto, Paty do Alferes e Paraíba do Sul. 

Um dos pontos críticos visitados junto ao comitê foi a execução do Muro de Gabião, às margens do Rio Piabanha, localizado no centro da cidade. A obra, que começou após a última tragédia das chuvas de fevereiro, custou R$ 627.139,74. “Calcula-se que o valor seja seis vezes maior que o esperado. Além disso, sob a ótica da engenharia, a obra é tecnicamente mal feita. Ou seja, o problema gravíssimo que assolou a cidade deveria ser usado para trazer soluções concretas com relação ao dinheiro público, mas não é o que está acontecendo. O povo merece mais respeito e dignidade”, defendeu Ganime, que já visitou 89 cidades nos últimos meses.

Na parte da tarde, Ganime participou da sabatina do Portal Giro Serra, onde pôde expor seus projetos voltados para o estado do Rio de Janeiro como possível governador. Durante a entrevista, ele respondeu perguntas sobre a última tragédia das chuvas de fevereiro, acesso à moradia, segurança pública, economia, mobilidade urbana e outros assuntos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *